www.acrr.maisbarcelos.pt
Outras

 

XCO Citânia do Facho

  

Raid Do Facho BTT

__________________________

Ciclismo

 


Atletismo


BTT

__________________________

Cegada do milho


Limpeza do largo da veiga


Linho



 
Imprimir esta página

    Espadelada

 

    História – É bem conhecida a famosa frase: “As voltas que o linho dá!”. Uma referência à cultura do linho que envolvia muitas e variadas actividades. Uma delas era a espadelada. As mulheres, sentadas junto do espadeladoiro, batiam no linho com a espadela, para separar os tomentos, a parte grossa do linho, com pouca utilidade.

    Actividade – Também foi recordada essa tradição. No local do costume, foi implantado um coreto. Mas em vez de músicos a tocar as suas belas filarmónicas, eram mulheres a espadelar o linho. As canções acompanhavam as alegres actividades. De vez em quando, essas mulheres paravam, não para descansar (ninguém se cansava), mas para entoarem as belas canções populares. O amor era o expoente máximo dessa base humana! A indispensável caneca do verde tinto não parava de circular por entre as espadeladeiras, para não deixar arrefecer os ânimos.  


Prof. Lima