www.acrr.maisbarcelos.pt
Historial

 

XCO Citânia do Facho

  

Raid Do Facho BTT

__________________________

Ciclismo

 


Atletismo


BTT

__________________________

Cegada do milho


Limpeza do largo da veiga


Linho



 
Imprimir esta página

 

Associação Cultural e Recreativa de Roriz

 

A sua história

 

         

          Tudo começou com um grupo de jovens, nomeadamente, João Evangelista Sousa Miranda, Manuel Arsélio Sousa Miranda e José Luis Duarte da Cruz, que no desenrolar de uma conversa entre amigos, fazendo o retrato da actividade sócio-cultural da terra, sentiram uma necessidade imperiosa de fazer despertar a comunidade, mobilizar as pessoas, desenvolver actividades no campo social e cultural, contribuindo para o enriquecimento do património cultural.

            Ao caminhar nesse sentido, João Miranda lançou a ideia de se formar uma associação, daí até à sua constituição foi um pequeno passo.

            Assim a Associação Cultural e Recreativa de Roriz (A.C.R.R.) é uma associação sem fins lucrativos, fundada em 12/12/1990.

Os Sócios fundadores são: João Pereira Maciel, José Luís Duarte da Cruz, Manuel Arsélio de Sousa Miranda, Francisco Adelino Sousa Ferreira, Angelina Maria Senra Barbosa, João Evangelista Sousa Barbosa, Carlos do Carmo Ferreira da Quinta e Costa, Adélio Barbosa Miranda, Manuel Barbosa Rodrigues, Abílio Gonçalves Carrilho, Domingos Pinheiro Miranda, Joaquim Albino Fernandes, José Pereira Rodrigues Vintena, Maria Amélia Barbosa de Azevedo e Maria Isabel Oliveira Araújo.

            Como todas as associações, também a A.C.R.R. tem o seu símbolo que é constituído por Facho, Pé de milho, Louros e Escudo, com três cores, amarela, verde e branco.

            O Facho representa a chama da união da grande família que é Roriz.

            O Pé de milho simboliza o fruto do trabalho da A.C.R.R. e o meio em que está inserida.

            Os Louros significam a vitória e a satisfação sempre que os objectivos se concretizem.

            O Escudo representa a defesa contra os vícios da sociedade moderna.

            As cores também têm o seu significado: a cor amarela significa a luz nascente; a cor verde significa a esperança, estando colocadas num fundo branco que representa a transparência da Associação Cultural e Recreativa de Roriz.

            A apresentação pública da Associação à comunidade foi um grande evento cultural com teatro, música e dança.

            Ao longo destes anos, tem procurado preservar os valores e tradições ligadas ao trabalho do campo, à música, dança e cantos populares, fazendo a ligação entre a história do passado e o nosso presente. Tem havido um empenho em reviver as desfolhadas, as malhadas do milho, o ciclo do linho e outras actividades, mostrando aos mais jovens como se realizavam estas actividades. Para além de serem feitas em grupo eram, também, um espaço de saudável convívio entre as pessoas.

            A Associação tem, também, a componente desportiva e da sua história fazem parte o BTT e o Ténis de mesa, em que vários elementos se destacaram. Mas, para além destas, teve o Cicloturismo que deu a conhecer o nome de Roriz em várias zonas do país (Algarve, Serra da Estrela, Minho) e em alguns locais de Espanha. Actualmente, o Ciclismo de Estrada e o Atletismo têm feito brilhar nos primeiros lugares, alguns jovens, tanto na região do Minho como a nível nacional.

            A Associação Cultural e Recreativa de Roriz encontra-se actualmente a construir a sua sede, uma obra à muito esperada e que irá possibilitar um maior desenvolvimento da nossa terra.